terça-feira, novembro 27, 2007

Mais sete milhões para novas ETAR’s

Na inauguração da ETAR de Alagoa, o presidente da Águas do Mondego afirmou que serão investidos cerca de sete milhões de euros na construção de novas ETAR’s no concelho. No local da antiga ETAR – Estação de Tratamento de Águas Residuais de Arganil, com mais de 20 anos, foi construída a ETAR da Alagoa/Arganil, que entrou ontem em funcionamento. A obra implicou uma “reabilitação profunda ao nível da capacidade de tratamento de águas residuais com tecnologias recentes”. De acordo com a Águas do Mondego, esta infra-estrutura tem capacidade para servir 8.800 habitantes equivalentes, e representa um investimento de 1,073 milhões de euros, comparticipado em 53 por fundos comunitários.
A nova ETAR “era há muitos anos um anseio dos arganilenses”, referiu Ricardo Pereira Alves, realçando o empenho da autarquia na sua construção, bem como “a vontade, determinação e eficácia” dos quadros e dirigentes da empresa Águas do Mondego, que contribuirá para melhorar a qualidade ambiental no concelho e as águas do Rio Alva.
O presidente da Águas de Portugal, Pedro Serra, salientou que o Governo começou a investir nestes projectos das ETAR’s desde 2003 e que “vai haver uma integração dos serviços em alta, da responsabilidade da Águas do Mondego, com os serviços em baixa, da responsabilidade das autarquias”, anunciou. “Será feita sem consideração pelas cores políticas dos autarcas”, frisou.

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

E a ETAR de Vila Nova de Poiares?

09:14:00  
Anonymous saloio said...

Essa nem vê-la e a das lavegadas?
Descarrega-se tudo para o Rio Alva? Só pode. Nem a distribuição de agua se faz com qualidade e higiene. A tubaria está toda podre e partida. É de mandar chamar a ASAE para ver o que se passa com a distribuição de agua nas nossas aldeias. Basta ver como estão os Ramais de Mucela e Barreiro e tambem o da Igreja Nova ( dentro da Igreja Nova). O da Moura Morta, apesar de ter um tapete novo ha 3 anos, já tem 2 grandes remendos.

20:05:00  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home